Mesmo com cortes proporcionados pela crise econômica, as companhias que querem manter ou conquistar um espaço de destaque no mercado precisam seguir investindo no treinamento de seu quadro de colaboradores. Com vasta experiência na área, a Ken Blanchard Companies, lançou recentemente o seu programa SLX (sigla para o curso Liderança Situacional II Experience).

O novo modelo é uma atualização do treinamento SLII (Liderança Situacional II), que já foi aplicado no País em mais de 600 empresas, abrangendo mais de 55 mil gestores e executivos, com resultados comprovados. No mundo todo, o método desenvolvido pelo Dr. Ken Blanchard e seus associados há 35 anos alcançou mais de 14 milhões de participantes.

Nascido na Suíça e radicado no Brasil desde 1946, o professor Peter Barth preside a Intercultural há mais de quatro décadas. A empresa – especializada em transferência de tecnologia gerencial, na realização de treinamentos, simpósios e eventos de alto nível e na edição de livros técnicos, vídeos de treinamento e materiais educacionais – é representante exclusiva, no Brasil, das Ken Blanchard Companies.

O programa SLX já está sendo aplicado no Brasil em algumas grandes empresas multinacionais. Em entrevista à Gestão RH, Peter Barth falou sobre os impactos que este lançamento trará ao mercado de treinamentos.

GESTÃO RH – Liderança Situacional é um dos conceitos mais antigos no mercado. Há alguma novidade?

Peter Barth – De fato, a SLII, que foi desenvolvida pelo Dr. Ken Blanchard e seus associados há 35 anos, já representava na época uma grande inovação em relação ao modelo antigo da Liderança Situacional. Apesar de ser o modelo de desenvolvimento de líderes mais adotado no mundo, com mais de 14 milhões de participantes, e indo de encontro ao provérbio que diz que “não se mexe em time que está ganhando”, a Blanchard e seus parceiros ao redor do globo investiram mais de cinco milhões de dólares para criar o melhor, mais atual e mais eficaz programa de desenvolvimento de lideranças disponível em âmbito mundial. Esta nova versão, conhecida como SLX, acaba de ser lançada no Brasil, já tendo sido conduzidos treinamentos para três grandes empresas multinacionais.

GESTÃO RH – O que a SLX traz de novo? Mudou algo no conceito básico?

Peter Barth – O conceito básico permanece o mesmo: os líderes precisam primeiramente diagnosticar as necessidades dos colaboradores e, a seguir, utilizar o estilo de liderança apropriado para criar condições de sucesso para cada colaborador, propiciando que este atinja os objetivos estabelecidos, melhore continuamente seu desempenho e, ao mesmo tempo, aumente seu engajamento, fortaleça sua motivação e autoconfiança e sua habilidade de atuar de modo cada vez mais independente e autossuficiente. O projeto de aprendizagem da SLX utiliza tecnologias inovadoras baseadas na neurociência e nas mais modernas técnicas de aprendizagem acelerada, que propiciam aos participantes uma imersão total e profunda na SLII de forma rápida e eficaz. Desde os primeiros dez minutos do treinamento, os participantes já estão envolvidos em atividades que os fazem refletir sobre seu papel como líderes e perceber como seu comportamento impacta seus colaboradores. Na verdade, o processo de aprendizagem começa três a quatro semanas antes do treinamento, quando os participantes preenchem questionários de pré-avaliação, planilhas de objetivos e questionários de avaliação de estilos de liderança. Estas ferramentas são complementadas por recursos de pós-avaliação e acompanhamento pós-treinamento que asseguram a manutenção de comportamentos mais eficazes de liderança muito tempo depois do treinamento.

GESTÃO RH – Como funciona o treinamento? O que ele traz que é realmente inovador?

Peter Barth – Além das ferramentas de pré e pós-avaliação, foram introduzidas breves situações de aprendizagem em ritmo acelerado, utilizando problemas reais de trabalho que prendem a atenção dos participantes. O resultado é uma aprendizagem acelerada que permite aos participantes começarem a utilizar a SLII mais rapidamente do que em qualquer treinamento anterior. Além disso, a SLX traz 25 novos vídeos de alto impacto emocional, com elenco de Hollywood, que atraem os participantes e os envolvem nos desafios enfrentados pelos personagens, ajudando, desta forma, a associar o conteúdo do programa à prática do dia a dia de trabalho. Os vídeos ilustram interações eficazes entre pares e cenários de “adequação / inadequação” com vários tipos de gerentes. Através deste recurso altamente dinâmico, ficam evidenciados os benefícios da utilização das ferramentas da SLII, bem como as implicações negativas de sua não utilização. Como consequência dos recursos tecnológicos e instrucionais utilizados, os participantes são levados ao limiar de sua zona de conforto ao atuarem em atividades desafiadoras que requerem demonstrar familiaridade com o conteúdo da SLII e ensinam como integrar o material aprendido com o estilo de liderança de cada um e como aplicá-lo a situações reais de trabalho.

GESTÃO RH – E depois do treinamento, existem ferramentas que facilitam a aplicação prática e a integração dos conceitos e técnicas a situações do dia a dia da empresa?

Peter Barth – É exatamente nisto que reside um dos principais diferenciais da SLX. Durante o treinamento, os participantes recebem um kit completo de ferramentas para compartilhar o aprendizado com seus colaboradores diretos e para assegurar a sustentabilidade das habilidades adquiridas e sua aplicação permanente na prática. Os participantes recebem Roteiros para a Aplicação dos Estilos de Liderança, Sugestões para Iniciar Conversas, o Teste de Qualificação da SLII (versões Auto e Outro), Planilhas de Objetivos, Planilhas da SLII, Planilhas de Conversas Face a Face, além do novo Desafio da SLII, com 12 módulos, para reforçar o aprendizado, promover o compartilhamento e reforçar a aplicação prática dos conceitos e ferramentas. Tudo isso foi desenvolvido para promover a sustentabilidade e aumentar o Retorno sobre o Investimento (ROI) das empresas clientes. Além disso, a partir de outubro de 2016 estará disponível também em Português o aplicativo da SLII para smartphones e tablets, que possibilita o diagnóstico e o processo de coaching em tempo real.

Gestão RH – Há mais alguma novidade?

Peter Barth – SLX é um programa em constante evolução. Brevemente, teremos acesso ao Portal da Blanchard em Português e o lançamento de versões virtuais ou blended de SLX para maior conveniência dos nossos clientes. Vale dizer que a Blanchard não poupou esforços para fazer do melhor e mais utilizado programa de desenvolvimento de líderes do mundo também o mais moderno e eficaz em termos de recursos instrucionais baseados em aprendizagem acelerada e neurociência. Dispomos de Impact Studies que comprovam a eficácia da SLII na redução do turnover e do absenteísmo, no aumento das vendas, da lucratividade e da satisfação de colaboradores e clientes que estão disponíveis, sem qualquer ônus, para os clientes interessados.

Peter Barth

Peter Barth

Peter Barth é psicólogo organizacional, Master of Science in Management. Foi professor da EAESP-FGV e da FGV-RJ, totalizando 13 anos de ensino acadêmico. Nasceu na Suiça e reside no Brasil desde 1946. Atua há 55 anos em consultoria organizacional, treinamento e educação corporativa.